domingo, 30 de setembro de 2012

Iogurte cremoso de Pudim Boca Doce de Baunilha



  • 1 l. leite meio gordo
  • 1 iogurte natural açucarado
  • 3 c. sopa leite em pó
  • 4 c. sopa de açucar
  • 1 pudim Boca Doce sabor a Baunilha

Numa das muitas pesquisas de receitas pela blogosfera surgiu esta receita de iogurtes, não me recordo em que blog encontrei esta dica (desde já as minhas desculpas ao autor) mas é sem dúvida uma delicia.
Estes iogurtes ficaram muito cremosos, sem dúvida uma receita a repetir muitas vezes.
Colocar o leite no fervedor, dissolver o leite em pó, o pudim e açúcar com uma varinha de arames e deixar aquecer bem e depois deixar amornar. Deve-se verificar a temperatura (colocar o dedo durante alguns segundos e verificar senão queima). Adicionar o iogurte e envolver bem no preparado.
Verter o preparado sobre os frascos esterilizados e deixar na iogurteira cerca de 9 horas. Colocar de seguida no frigorífico.

Sugestão: Comer estes os iogurtes com cereais Chocapic, a mistura de sabores de baunilha e chocolate é fantástica

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Arroz de Tintureira com camarão



  • 1 1/2 cháv. arroz
  • 4 postas de tintureira
  • miolo de camarão
  • 2 tomates maduros
  • azeite qb
  • 1 cebola
  • 2 dentes de alho
  • sal
  • piri-piri
  • coentros
Tinha umas postas de tintureira a passear pelo congelador há algum tempo, sempre há espera que surgisse uma receita diferente.
Decidi fazer um arroz de tintureira e não correu nada mal.
Num tacho refoga-se o tomate com a cebola, o alho e um fio de azeite, tempera-se com sal e um pouco de piri-piri. Junta-se um pouco de água ao refogado e cozinha-se o peixe em lume brando. Depois de cozinhado reserva-se.
Neste caldo faz-se o arroz "malandrinho", um pouco antes do final da cozedura do arroz junta-se o miolo de camarão e o peixe.
Servi com coentros frescos sobre o prato.

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Pataniscas de Bacalhau


  • 150 g farinha trigo com fermento
  • 2 ovos
  • 1/2 cháv. leite
  • 1 c. sopa azeite
  • 1 posta de bacalhau
  • 1 c. sob. fermento
  • salsa picada
  • 1 cebola pequena
  • sal
  • pimenta

As pataniscas de bacalhau são uma iguaria bem portuguesa. 
Sempre que há sobras de bacalhau cá por casa aproveitamos para fazer umas pataniscas.
Como gosto mais de pataniscas fofinhas junto um pouco de fermento à massa. Ficam um belo petisco.
Numa taça coloca-se a farinha, junta-se o leite aos poucos e mexe-se com um fouet. Junta-se os ovos ao preparado e envolve-se de modo a obter uma massa homógenea, com uma textura suave.
Tempera-se com sal, pimenta, salsa picada, cebola picada bem fininha e uma colher de azeite.
Envolve-se o bacalhau desfiado na massa e mexe-se bem. Numa frigideira com óleo bem quente fritam-se colheradas de massa.
Podem servir-se como entrada ou acompanhadas com um arroz de tomate.