quinta-feira, 31 de maio de 2012

Espargos selvagens salteados



  • 250 gr cuscuz
  • 3 costoletas
  • espargos
  • sal qb
  • azeite qb
  • 1 c. sopa vinagre de cidra
Para acompanhar uma carne grelhada decidi saltear alguns espargos e preparar um cuzcuz simples.
Mais uma sugestão rápida, prática e económica.
Colocar água num tacho e quando estiver a ferver colocam-se os espargos já preparados. Escorre-se e reserva-se.
Seguindo as dicas de uma amiga para saltear espargos. Numa frigideira coloca-se um fio de azeite e uma colher de sopa de vinagre de cidra, salteiam-se os espargos durante alguns minutos até ficarem douradinhos.
Acompanha-se com a carne grelhada e cuzcuz.

segunda-feira, 28 de maio de 2012

Frittata de espargos selvagens


  • 6 ovos
  • 1 cenoura
  • espargos selvagens
  • 100 gr queijo mozarella
  • sal 
  • pimenta

Esta foi uma das minhas opções para cozinhar os espargos selvagens.
Esta frittata é um daqueles pratos que nem é um lanche, nem é um jantar... é um lanche ajantarado!
Preparam-se os espargos, cortando a parte mais dura junto ao caule.
Coloca-se água num tacho e quando estiver a ferver colocam-se os espargos a cozer. Escorrem-se e reservam-se.
Numa taça bater os ovos, temperar com sal e pimenta, adicionar o queijo mozarella e a cenoura ralada.
Verter um fio de azeite no fundo de um tabuleiro pirex pequeno, juntar o preparado com ovo e dispor por cima os espargos.
Levar ao forno a 180º durante cerca de 15 minutos.
Servi a frittata de espargos sobre uma generosa fatia de pão de Mafra.

domingo, 27 de maio de 2012

Espargos selvagens


Numa das muitas viagens pela zona de Coruche houve tempo para colher um molho de espargos selvagens.
Já há muito tempo que esperávamos este ingrediente para preparar umas iguarias. Havia mais receitas para experimentar, mas a matéria prima não foi suficiente.
Pelo que percebi, esta planta está no auge da colheita pela altura da Primavera. Vamos lá a aproveitar o que a natureza nos dá.

"Asparagus officinalis ou espargo é uma planta da classe Liliopsida, ordem Asparagales, família Asparagaceae, género Asparagus. Os seus rebentos novos são um vegetal bastante apreciado, particularmente na cozinha inglesa, alemã e francesa. Tem um sabor delicado, poucas calorias e é particularmente rico em ácido fólico, além de ter propriedades diuréticas.
O aspargo é uma planta perene. A colheita dos brotos faz-se na primavera, a partir do segundo ou terceiro ano."

Esta semana vou-vos mostrando o que preparei com os espargos selvagens.

sexta-feira, 25 de maio de 2012

Bifes enrolados com queijo e fiambre


  • 5 bifes de porco
  • 5 fatias de queijo flamengo
  • 5 fatias de fiambre
  • 1 dente de alho
  • 1 folha de louro
  • sal qb
  • pimenta qb
  • 1/2 sumo de limão
  • manteiga qb
  • azeite qb
Esta é mais uma daquelas receitas bem práticas para qualquer dia da semana.
Temperam-se os bifes com sal, pimenta e sumo de limão, deixa-se a marinar durante 20/30 minutos. Estendem-se os bifes, coloca-se uma fatia de queijo e uma fatia de fiambre e enrolam-se de modo a embrulhar o recheio dentro do bife. Prende-se o rolo com palitos ou com fio de atar (como não tinha, optei pelos palitos).
Estes bifes fritei numa frigideira com um pouco de margarina, azeite, louro e alho laminado. 
Viram-se os bifes de vez em quando, para que fiquem uniformes.


Servi os bifes enrolados com queijo e fiambre com arroz branco e uma salada de alface e maçã.

quarta-feira, 23 de maio de 2012

Bolo de Leite Condensado


  • 1 lata de leite condensado
  • 4 ovos
  • 150 gr margarina
  • 200 gr farinha
  • 1 c. café de fermento em pó
Apetecia-me um bolo simples para o lanche e foi então que me lembrei deste que já tinha visto neste blog. É bem rápido de fazer e fica muito fofinho. Este bolo tem uma textura bastante suave e apesar de ser feito com leite condensado, nem é um bolo muito doce.
Cá por casa adoraram esta delícia.
Batem-se as gemas com o leite condensado, com uma batedeira durante 2 a 3 minutos. Reservam-se as claras para bater em castelo. Adiciona-se a farinha e o fermento em pó e envolve-se bem. Junta-se a manteiga derretida e por fim as claras batidas em castelo.
Levei ao forno numa forma de silicone.

segunda-feira, 21 de maio de 2012

Pompeties de porco com manteiga de salsa


  • 12 Pompeties de Porco com manteiga de salsa
  • 1 sopa de cebola
Foi a primeira vez que encontrei Pompeties de Porco com manteiga de salsa e feita curiosa decidi experimentar. Fiz no forno apenas com uma sopa de cebola, como a carne liberta muita gordura não é necessário acrescentar azeite ou margarina.
Durante a cozedura convém envolver bem a sopa no molho e regar um pouco a carne com o molho.
Servi com arroz e batata-frita.

sexta-feira, 18 de maio de 2012

Iogurte de chocolate de leite


  • 1 l. leite meio gordo
  • 1 iogurte natural
  • 3 c. sopa leite em pó
  • 150 gr chocolate de leite
Estes iogurtes surgiram a pedido do pequenote e eu aproveitei para dar uso a um coelho da páscoa que ainda andava a passear pelo armário. Ficaram muito cremosos e com um delicioso aroma a chocolate.
Colocar 500ml de leite no fervedor, dissolver o leite em pó com uma varinha de arames e deixar aquecer bem. Juntar o chocolate partido em pedaços e mexer bem até derreter. Verificar a temperatura (colocar o dedo durante alguns segundos e verificar senão queima). Adicionar o iogurte e envolver bem no preparado.
Colocar o preparado nos frascos e deixar na iogurteira cerca de 9 horas. Colocar de seguida no frigorífico.


terça-feira, 15 de maio de 2012

Biscoitos de côco e limão


  • 400 gr farinha de trigo
  • 2 c. sopa farinha custard
  • 180 gr margarina
  • 200 gr açúcar
  • 100 gr côco ralado 
  • raspa de 1 limão
  • 1 ovo
  • 1 c. chá de fermento em pó
O meu dispara-biscoitos tem estado mais sossegado, não andamos a comer tantos biscoitos. Talvez seja deste tempo quente de Primavera. Desta vez fiz uma variação de uma receita que já tinha publicado aqui. Optei por aromatizar com limão.
Junta-se o açúcar, com o ovo e a manteiga derretida, mexi-se bem até obter um creme homógeneo. Junta-se aos poucos a farinha de trigo, a farinha custard e o fermento em pó. Adiciona-se a raspa de um limão. Mexe-se bem e por fim junta-se o côco ralado. Depois de tudo bem amassado com uma colher de pau, fazem-se os rolos de massa e coloca-se no dispara-biscoitos. A massa não deve colar às mãos.
Os biscoitos vão ao forno até alourar, sobre papel vegetal ou tapete de silicone.

domingo, 13 de maio de 2012

Bacalhau gratinado com espinafres


  • 2 postas de bacalhau
  • 4 batatas grandes
  • 1 cebola
  • 2 dentes de alho
  • 200 gr espinafres
  • 1 cenoura
  • 500ml molho béchamel
  • queijo mozzarela ralado
  • azeite qb
  • sal qb
  • pimenta qb
  • noz moscada qb

Dizem que há 1001 maneiras de comer bacalhau e esta é uma delas.
Aproveitei o fim-de-semana para fazer um prato um pouco mais demorado e foi um belo almoço de domingo.
Coze-se o bacalhau, desfia-se e reserva-se.
Como habitualmente, coloquei a cebola e o alho no copo da varinha mágica e reduzi a puré. Coloquei um fio de azeite no fundo do tacho e refoguei o alho e a cebola durante alguns minutos. Juntei ao refogado 1 cenoura ralada e envolvi o bacalhau.
Fritam-se as batatas aos quadradinhos e envolve-se no preparado. Tempera-se com sal, pimenta e noz moscada.
Prepara-se o molho béchamel, verte-se metade no tacho e mexe-se bem.
Cozem-se os espinafres durante uns 10 minutos, escorrem-se e reserva-se.
Para preparar o tabuleiro coloca-se metade do preparado, uma camada com os espinafres e um pouco de béchamel, outra camada de bacalhau, molho béchamel e para finalizar queijo mozzarela ralado.
Vai ao forno a gratinar.
O resultado final é um bacalhau bem cremoso com um toque de verde pelo meio.

sexta-feira, 11 de maio de 2012

Hambúrguer de peixe


  • 500 gr peixe desfiado
  • 2 pães "carcaça"
  • 1 ovo
  • 1 cenoura
  • 1 molho de salsa
  • 1 dente de alho
  • sal qb
  • pimenta qb


Com um pescador em casa é claro que o peixe abunda no congelador, para não desperdiçar procuramos sempre alternativas diferentes para o confeccionar. Esta receita também é uma boa sugestão para fazer um aproveitamento de peixe.
Já há algum tempo que andava a planear fazer uns hambúrgueres de peixe caseiros, mas ainda não tinha posto mãos à obra com receio do resultado final.
Afinal foi mais uma agradável surpresa, todos gostaram bastante destes hambúrgueres e o mais pequeno até repetiu.  É uma experiência a repetir cá por casa.
Coze-se o peixe (coloquei vários peixes diferentes) e desfia-se. Pica-se o peixe na picadora e reserva-se.
Coloca-se o pão, com o alho e a salsa na picadora e pica-se bem fininho.
Numa taça envolve-se o peixe com o pão ralado, cenoura ralada e ovo e envolve-se bem até obter uma pasta.
Numa máquina de fazer hambúrgueres, coloca-se uma porção do preparado e faz-se um hambúrguer  uniforme.
Fritei os hambúrgueres com um fio de azeite, até ficarem bem douradinhos.
Acompanhei com arroz de tomate com cenoura, mas também pode ser acompanhado com um arroz de ervilhas.

segunda-feira, 7 de maio de 2012

Iogurte com compota de morango


  • 1 l. leite meio gordo
  • 1 iogurte pedaços de morango
  • 3 c. sopa leite em pó
  • compota de morango
Desta cozinha tem saído muita coisa boa com morangos. Temos feito um verdadeiro elogio ao morango.
Estes iogurtes ficaram muito saborosos, sem dúvida uma receita a repetir muitas vezes.
Colocar o leite no fervedor, dissolver o leite em pó com uma varinha de arames e deixar aquecer bem. Verificar a temperatura (colocar o dedo durante alguns segundos e verificar senão queima). Adicionar o iogurte e envolver bem no preparado.
Colocar compota de morango no fundo dos frascos e verter o preparado.
Deixar na iogurteira cerca de 9 horas. Colocar de seguida no frigorífico.


sexta-feira, 4 de maio de 2012

Dupla delícia de Morango


  • Iogurte grego natural
  • Bolachas tipo "Filipinos"
  • Morangos
O que vos parece. Esta é uma sobremesa light ou um lanche muito guloso?
Hoje deixo-vos uma sugestão muito fácil e rápida de preparar.
Basta escolher uma taça bonita, colocar o iogurte grego, colocar as bolachas Filipinos desfeitas grosseiramente e acrescentar os morangos bem fresquinhos.


Também podem acrescentar ao iogurte, uma camada de compota de morango.


terça-feira, 1 de maio de 2012

Spaghetti al Nero di Seppia com camarão e cogumelos


  • 500g Spaghetti al Nero di Seppia
  • 250g miolo de camarão
  • cogumelos laminados
  • 1c. sopa molho soja
  • 1 dente de alho
  • azeite qb
  • piri-piri qb
  • pimenta qb
  • sal qb
  • coentros
Tinha muita curiosidade em experimentar esta massa. Já tinha ouvido muitos comentários acerca das suas características e estava entusiasmada com a experiência.
Colocar água a ferver, com sal e azeite e de seguida juntar a massa a cozinhar até ficar "al dente".
Num frigideira fritar os camarões com um fio de azeite e alho picado bem fininho. Temperar com pimenta, piri-piri, molho de soja e sal. Acrescentar os cogumelos e deixar fritar mais alguns minutos.
Juntar o preparado com camarões à massa e envolver bem.
Polvilhar com coentros frescos.